Inicial / Notícias SESI/SENAI / Projeto Educação Livre é apresentado para alunos e profissionais de educação do SESI e do SENAI Amapá
Projeto Educação Livre é apresentado para alunos e profissionais de educação do SESI e do SENAI Amapá

Projeto Educação Livre é apresentado para alunos e profissionais de educação do SESI e do SENAI Amapá

Macapá – O Projeto Educação Livre – Aprendizagem Digital para Inclusão no Mundo do Trabalho – foi apresentado para os alunos do Ensino Médio do Serviço Social da Indústria (SESI), para os profissionais da educação do SESI e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) do Amapá e para convidados da Secretaria Estadual de Educação (SEED). Os envolvidos participaram de uma oficina orientada pela Gestora do Projeto do SESI Nacional, Jessica Stephenson.

Na ocasião, os grupos foram norteados sobre como aproveitar todo o potencial da ferramenta do projeto Educação Livre, a fim de colaborar na transformação da educação, além de terem sido desafiados a desenvolver capacidades criativas para produzir conteúdos práticos e divertidos nas áreas de português e matemática.

A plataforma é gratuita, pois visa ser acessível para toda a população. O conteúdo digital é voltado para jovens entre 16 e 29 anos interessados em desenvolver habilidades pessoais, emocionais (soft skills) e competências básicas aprendidas em sala de aula (hard skills). Além disso, os usuários têm a possibilidade de ampliar sua capacitação e encontrar informações que podem contribuir para o ingresso no mercado de trabalho.

Para Jessica Stephenson, o que mais atrai o jovem é a educação não-formal. Devido a falta de tempo de frequentar aulas expositivas, ou por não concordar com o formato tradicional de ensino, os vídeos garantem que a pessoa aprenda o conteúdo no próprio tempo, principalmente por causa da facilidade em acessar a internet por smartphones e outros dispositivos eletrônicos.

“O edulivre é um movimento de tecnologia social que busca dar sentido ao processo de aprendizagem de uma maneira ampla. Ele serve para o público que está sem esperança de conseguir uma colocação no mercado e para quem está dentro da escola e quer entender melhor onde usar os conhecimentos adquiridos”, afirmou.

A aluna do 3º ano do Ensino Médio do SESI, Ana Rita da Silva Ponte, acredita que o ensino continuará mudando. “A educação vai se moldando as novas realidades, aos novos formatos, e a plataforma traz muitas possibilidades para a construção da aprendizagem de forma simples e interativa através de vídeos curtos, infográficos e imagens. É muito interessante”, salientou.

Sobre o Projeto

Criado com o objetivo de oportunizar aprendizado aos jovens em um modelo de educação atraente, com conteúdos mais facilmente aplicáveis no dia a dia, o projeto é uma iniciativa do Departamento Nacional do SESI e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), em parceria com a UNESCO no Brasil.

A plataforma surgiu quando as instituições perceberam que havia muitos jovens fora do mercado de trabalho por falta de capacitação, pouca habilidade para administrar a própria vida e com dificuldade em conviver bem no ambiente de trabalho.

Saiba mais

www.edulivre.org.br

Facebook: www.facebook.com/somosedulivre

Twitter: www.twitter.com/somosedulivre

ATENDIMENTO À IMPRENSA
Gerência de Comunicação Corporativa SESI/SENAI – AP
Contato: (96) 3084-8944
E-mail: imprensa@sesisenaiap.org.br
Siga-nos no Twitter: @SESIAmapa e @SENAIAmapa
Facebook: SESI Amapá e SENAI Amapá
Instagram: @amapasesi e @amapasenai

 

Sobre GCOM